Portuguesa cria código de cores que ensina cegos a “ver” cores

Ideias Brilhantes, Todos, VídeosComentários fechados em Portuguesa cria código de cores que ensina cegos a “ver” cores34536

A designer portuguesa Filipa Nogueira Pires criou um código de cores para as pessoas que não as conseguem ver. A ideia ganhou o nome de Feelipa Color Code e procura melhorar a qualidade de vida das pessoas que convivem com deficiências visuais, permitindo que elas percebam as cores através de formas.

Hand Touching Color Code Board código de cores

O projeto Feelipa teve origem em 2009, quando Filipa iniciou uma investigação com o objetivo de tornar a cor acessível ao maior número de pessoas possível, em particular às pessoas com algum tipo de deficiência visual.

Já disponível no Brasil

nas livrarias SaraivaCultura

www.emprego30dias.com/videos

A investigação foi realizada quando fazia o Mestrado em Design de Produto da Universidade Técnica de Lisboa em parceria com o Centro Helen Keller (uma escola dedicada à integração de alunos com problemas visuais e com outras necessidades educativas). Ao longo de vários meses de contacto com crianças com deficiência visual, foi possível desenvolver, aperfeiçoar e validar este código de cor.

A designer portuguesa Filipa Nogueira Pires criou um código que representa as cores para as pessoas que não as conseguem ver. A ideia ganhou o nome de Feelipa Color Code e procura melhorar a qualidade de vida das pessoas que convivem com deficiências visuais, permitindo que elas percebam as cores através de formas.

O funcionamento do código é bastante simples, mas eficiente: baseia-se na associação das formas geométricas mundialmente reconhecidas (quadrado, triângulo e círculo) às cores primárias (vermelho, amarelo e azul). Um triângulo representa o amarelo, um círculo o azul e o vermelho é representado por um quadrado.

As cores secundárias (verde, laranja e roxo), que resultam da fusão de duas cores primárias, “são conseguidas através da união direta das respetivas formas primárias que estão na base da sua formação, fazendo do código um sistema lógico“, esclarece a designer.

 Feelipa Color Code código de cores

Por terem características diferentes, as cores preto, cinzento e branconão são representadas por formas geométricas, mas sim por linhas com espessura suficiente para o reconhecimento tátil“: o preto é representado por três linhas, o cinzento por duas e o branco apenas por uma.

Feelipa Escala de Cinzas código de cores

Feelipa Tons Claros e Escuros código de cores

A ideia da designer é transformar o Feelipa Color Code num código universal, assim como a escrita em braile, permitindo o seu uso em diversos objetos do dia-a-dia, como roupa, medicamentos, sinalética, de modo a facilitar a vida de deficientes visuais.

código de cores

Surgem cada vez mais invenções e produtos para facilitar o dia a dia de minorias ou de pessoas com algum tipo de incapacidade. Em relação aos invisuais, o Museu do Prado, em Madrid, lançou a sua primeira iniciativa de arte para invisuais, com uma instalação de várias reproduções de obras famosas em relevo, permitindo aos invisuais “ver” e sentir os quadros.

Outro exemplo de um código de cores universal, neste caso para os daltónicos, foi criado por Miguel Neiva, que recorre a símbolos para ajudar a distinguir as cores. O código chama-se ColorADD e foi já adotado por várias empresas, tendo despertado o interesse internacional.

 

ESTÁS À PROCURA DE EMPREGO?

Se estás à procura de emprego, reformula o currículo para que te possas destacar da multidão!

Usa um destes modelos de currículo editáveis e totalmente personalizáveis em Word. Vê aqui

Modelo de currículo editável em Word

CV-PSS-E30D-007 - modelo de currículo editável em WordSugiro igualmente que ouças o Audio Livro que já ajudou milhares de candidatos. São quase 3 horas e meia de dicas que certamente vão fazer a diferença nesta fase da tua vida!

Audio Livro Como conseguir emprego em 30 dias

Procuras mais dicas sobre emprego?

www.emprego30dias.com/dicas

Related Posts