adidas tenis reciclados lixo mar

O mar está diferente ou é impressão minha?

Curiosidades, Natasha Pádua, TodosComentários fechados em O mar está diferente ou é impressão minha?2424

Cerca de 8 milhões de toneladas de lixo plástico são lançadas nos oceanos anualmente. Além do lixo encontrado nas praias e a boiar na água, estima-se que também exista uma grande quantidade escondida no fundo dos oceanos ou fragmentada em pedaços tão pequenos que não são detetados pelas análises convencionais. Essas partículas estão a ser ingeridas por animais marinhas.

A marca desportiva Adidas está empenhada em reverter esta situação. Depois de criar uma sapatilha numa impressora 3D e uma sapatilha feita com redes de pesca ilegal, foi a vez de unir estes dois conceitos num só: sapatilhas impressas usando lixo marinho.

impressão 3D Adidas sapatilhas

sapatilhas adidas lixo oceanos

A impressão 3D de calçado contribui para a redução da produção de plástico. Imprimir sapatilhas conforme a procura, elimina a necessidade de criar stock de produtos. As encomendas percorrem longas distâncias para chegar aos consumidores e muitas vezes ficam “encalhadas” nas lojas sem serem vendidas, acumulando ainda mais lixo. Mas a redução da produção de plástico não é suficiente, é preciso retirar os resíduos que já estão no mar.

adidas tenis reciclados lixo mar

adidas lixo marinho sapatilhas

A sapatilha criada pela Adidas foi feita em parceria com a Parley for the Oceans, associação que promove a redução da poluição nos oceanos. Possui a sola impressa com poliamida e redes de pesca recicladas. A parte superior é feita de outros resíduos plásticos provenientes dos oceanos também.

Para complementar esta ação, todas lojas da marca deixarão de usar sacos de plástico.

Apesar dos esforços para a limpeza dos oceanos, todo o habitat marinho está comprometido. Por exemplo, os corais são bastante sensíveis às variações de temperatura causadas pelo aquecimento global. Com a morte dos corais, muitas criaturas marinhas ficam desprotegidas e acabam por morrer também.

recifes artificiais

Para além da produção de sapatilhas através de impressoras 3D e plástico proveniente de resíduos dos mares, a impressão 3D está a ser usada também para aumentar a biodiversidade nos oceanos. Foram desenhados seis modelos de estruturas diferentes de corais artificiais que serão submersas no mar e terão o objetivo de dar abrigo a várias espécies de animais e plantas.

Recif Boskalis recife artificial

Cada coral artificial demora treze horas para ser impressa, usando areia dolomita e um adesivo especial, mede 1,2X2 metros e pesa 2,5 toneladas.

O projeto foi encabeçado pela Fundação Príncipe Alberto II do Mónaco, que contratou a empresa holandesa Boskalis para a empreitada.

Todos os esforços são válidos, ainda há esperança, mas o principal é que cada um de nós faça a sua parte consumindo menos e separando o lixo corretamente. Não é difícil, mas é urgente.

Natasha Pádua NOCTULER NOCTULA Channel

Este texto foi escrito pela NOCTULER Natasha Pádua (natasha.padua@gmail.com), do Blog Eat Innovation, um site sobre as coisas incríveis que se fazem na área alimentar. Lê todos os artigos da Natasha aqui.

Também gostavas de ver os teus textos no NOCTULA Channel? Envia-nos o tema sobre o qual queres escrever para info@noctulachannel.com.

Fontes: Digital TrendsAdidas GroupFast CompanyAdidas News StreamGoverno do Principado de MônacoBBC

 

ESTÁS À PROCURA DE EMPREGO?

Se estás à procura de emprego, tens que ouvir o Audio Livro que já ajudou milhares de candidatos. São quase 3 horas e meia de dicas que certamente vão fazer a diferença nesta fase da tua vida!

Audio Livro Como conseguir emprego em 30 dias

Sugiro igualmente que reformules o teu currículo para que te possas destacar da multidão!

Usa um destes modelos de currículo editáveis e totalmente personalizáveis em Word. Vê aqui

Modelo de currículo editável em Word

CV-PSS-E30D-007 - modelo de currículo editável em Word

Procuras mais dicas sobre emprego?

www.emprego30dias.com/dicas

Related Posts